Manejo Integrado de Pragas

O que é MIP?

Conforme Embrapa, o Manejo Integrado de Pragas (MIP) é um sistema de manejo de pragas que associa o ambiente e a dinâmica populacional da praga.

Esse sistema utiliza todas as técnicas apropriadas, de forma que mantenha a população da praga em níveis abaixo daqueles capazes de causar danos econômicos.

Por que é importante o monitoramento?

Dentro do MIP, o monitoramento deve ser feito regularmente para que seja conhecido a densidade populacional ou nível de danos da praga na lavoura.

Após o monitoramento, é tomada a decisão sobre realizar ou não o controle da praga, dependendo do resultado do monitoramento e do nível de controle do inseto.

O monitoramento é feito por meio de amostragens, que são pontos onde você deve contar o número de pragas ou constatar os danos da lavoura pela ocorrência dos insetos.

Aba Monitoramento

Na versão web, você acessa a aba Monitoramento ao acessar a sua fazenda, selecionar uma safra, e clicar no botão Monitoramento.

Aqui podemos visualizar a Situação Atual das pragas na lavoura, conferir o histórico e alterações na situação, acessar facilmente as atividades de aplicação, e editar os níveis de controle de cada praga.

Clicando nesse artigo você vê uma explicação detalhada de cada uma das abas do monitoramento. Podemos começar definindo um nível de controle de pragas para a safra.

Nível de Controle

Clicando em Níveis de Controle (NC), usuários com perfil agronômico podem definir os níveis de controle, que estabelecem o nível de infestação de uma praga ou doença que é considerado grave. Esse plano não é obrigatório para registrar o monitoramento no aplicativo, mas é necessário para gerar os mapas de calor.

Para definir o nível de controle da praga basta clicar em Adicionar nível de controle, e selecionar a escala, porcentagem de plantas atingidas, ou quantidade média que define quando a infestação chegou ao nível de controle, representado pela cor vermelha nos mapas e indicadores.

Se houver mais de um método de amostragem, podemos clicar em opções avançadas para selecionar diferentes tipos de verificação.

Nesse artigo explicamos mais detalhado.

Planejar um Monitoramento

Usuários com perfil Gerente ou Agronômico podem planejar as atividades de monitoramento.

Na web

Na versão web, atualmente podemos planejar apenas a atividade de monitoramento, selecionando o talhão, datas e funcionário responsável.

No aplicativo

No aplicativo pode-se planejar os pontos para o monitoramento. O planejamento é feito acessando a aba Atividades , clicando no botão (+) e selecionando a opção Monitoramento, e selecionando a área onde será feito.

Em seguida, podemos planejar datas, e selecionar pontos específicos clicando em Planejar Pontos e marcando os pontos no mapa.

Registrar um monitoramento


O registro de um monitoramento é feito somente pelo aplicativo. Basta acessar a safra referente e a aba  "Atividades". Caso seja uma atividade planejada ou já iniciada, basta selecionar essa atividade e em seguida "Iniciar monitoramento" ou "Continuar monitoramento".

Para registrar o ponto é necessário que o localizador (GPS) do celular esteja ativado. Os pontos serão georreferenciados, identificando onde você está e onde os pontos se encontram dentro do talhão. 

Ao chegar no ponto da amostra, o usuário deve clicar no botão de Play, para começar, e a seguir em Realizar Amostragem. Na tela de amostragem, deve selecionar o talhão e adicionar as pragas verificadas e suas respectivas quantidades. Em seguida basta clicar em salvar e finalizar.

Após o registro da amostragem, o usuário pode continuar e registrar um novo ponto, pausar, ou finalizar o monitoramento.

Na tela da atividade, temos um resumo desse monitoramento, com a quantidade de pontos avaliados e as pragas acima e abaixo do nível de controle.

Monitoramento na web

De volta à versão web, temos o resultado dessas leituras, com os pontos mostrados no mapa, e o mapa de calor montado de acordo com os níveis de controle e com as gravidades de infestação de cada praga, em cada local.

A aba Situação Atual mostra as informações do monitoramento mais recente, como a quantidade de pontos, fotos e comentários, e as pragas com maior gravidade. Selecionando um praga específica, vemos o mapa de calor somente dessa praga.

A Linha do Tempo contém todas as leituras de todas as pragas, e também os momentos que houve aplicações entre as leituras, para demonstrar possíveis resultados dessas aplicações. 

Podemos clicar nas datas das amostras para ver os mapas de calor de outras datas, ou em uma praga para verificar o mapa dessa praga, nessa data.

Ao acessar um ponto específico veremos os detalhes da amostra.

Catálogo de pragas

No canto superior direito do Aegro você pode acessar o catálogo clicando no ícone do caderno no canto superior direito. O catálogo engloba todos os insumos, itens, serviços e pragas cadastrados. Ao acessar a aba Pragas é possível encontrar uma ampla gama de pragas e doenças no catálogo do Aegro. 

É possível inserir uma Nova Praga caso não encontre a que deseja monitorar. Para isso, basta clicar no botão no canto inferior direito da aba e inserir o nome da praga. O sistema irá sugerir algumas pragas para evitar duplicidade. Se não for encontrada a praga, basta preencher as informações.

Pronto! Agora já sabe como realizar o monitoramento e como fica o mapa de calor.

_________________________________________________________________

Caso continue com alguma dúvida é só entrar em contato com o suporte da Aegro. Teremos o maior prazer de esclarecer as suas dúvidas.

Encontrou sua resposta?